Scrum no Setor Público (revista MundoGeo)

Posted on 1 CommentPosted in #governoagil, Metodologia Ágil, Scrum

Em agosto do ano passado publicamos para a revista MundoGeo, publicação especializada em sistemas geográficos, um artigo sobre nossa experiência no IPHAN na contratação e desenvolvimento de um grande projeto de sistema geográfico com metodologia ágil. Já comentei algumas vezes sobre esse projeto em meu blog e congressos, mas esse artigo tem a visão da […]

Métricas de Software e Metodologia Ágil

Posted on Leave a commentPosted in Metodologia Ágil, pontos de função

Participei agora a pouco de uma sala temática (mesa redonda) no Seminário Anual do SISP sobre Métricas de Software. Fui convidado a relatar minha experiência em “uso de métricas de software, no caso Pontos de Função, em contratos e metodologia ágil”. A mesa foi composta por  Cláudia Hazan (SERPRO), Herbert Parente (TST), Maurício Aguiar (IFPUG), Maurício Matsutani (Dataprev). […]

Acórdão do TCU sobre metodologia ágil

Posted on 2 CommentsPosted in Sem categoria

O TCU emitiu dia 28/08/2013 o acórdão 2314/2013 sobre o levantamento de auditoria acerca do uso de metodologias ágeis em contratações para desenvolvimento de software pela administração pública. Tenho certeza que esse acórdão era esperado por muitos da comunidade ágil e também pelos gestores públicos de TI. Segue o link. Acórdão 2314/2013 TCU/plenário. Baixe a […]

Como foi a extensão de Agilidade no Governo no Agile Brazil 2013

Posted on 1 CommentPosted in #governoagil, Agile Brazil

O Agile Brazil é um evento nacional, anual e itinerante sobre metodologias Ágeis de desenvolvimento de software que vem ocorrendo desde 2010, contando com a organização e voluntários de diversas comunidades espalhadas pelo País. Assim como a edição de 2012 em São Paulo teve o objetivo estratégico de aproximar empresários do setor para esclarecimentos e […]

Pontos de Função x Agile x Roteiro de Métricas do SISP

Posted on 12 CommentsPosted in Metodologia Ágil, pontos de função, Rotéiro de Métricas SISP

A contratação pública de desenvolvimento de software tem que ser balizada por uma métrica objetiva. É um princípio legal disposto na Instrução Normativa 04/2010 SLTI/MPOG em seu Art.25 inciso II. II – encaminhamento formal de Ordens de Serviço ou de Fornecimento de Bens pelo Gestor do Contrato ao preposto da contratada, que conterão no mínimo: b) o […]